Interrogacao_-Foto-Reproducao

Palestra sobre pós-verdade e fake news

A presidente do Palavra Aberta, Patricia Blanco, participou recentemente, em Goiânia, do seminário Gerenciamento de Crise – Mídias Sociais para o Setor Público, no qual foi um dos palestrantes.

Realizado pelo IDP e com o apoio do Governo de Goiás e da Secretaria de Estado de Gestão e Planejamento (Segplan), o seminário Gerenciamento de Crise – Mídias Sociais para o Setor Público, reuniu na última sexta-feira (12) diversos representantes do Governo Federal e da mídia brasiliense para discutir temas como pós-verdade, fake news e gestão de crises de reputação.

Fruto do curso de especialização em Comunicação, Marketing e Mídias Sociais para o Setor Público, o seminário contou com a participação de Patricia Blanco, presidente do Instituto Palavra Aberta, que proferiu a palestra Pós-verdade e Fake News – Conceitos Contemporâneos de Comunicação que Favorecem Crises de Imagem.

Sua apresentação chamou a atenção da imprensa local. Em entrevista ao jornal O Popular, de Goiânia, Patricia ressaltou que “no momento em que a liberdade de expressão e a disseminação indiscriminada de conteúdo estão cada vez mais fortes, é preciso atentar para o compartilhamento e produção de material informativo com responsabilidade” (leia mais: http://www.opopular.com.br/editorias/cidade/instituto-palavra-aberta-alerta-para-a-propaga%C3%A7%C3%A3o-de-not%C3%ADcias-falsas-1.1275237).

Outros palestrantes que participaram do seminário foram Lilian Tahan (diretora de redação do Portal Metrópoles), Iva Velloso (assessora de imprensa do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento – Mapa), Guilherme Rocha (assessor de comunicação da CGU), Ana Miguel (assessora do Ministério da Saúde) e Francisco Pinilla (diretor de Internet na Secretaria de Comunicação Social da Presidência da República).

Selecionamos outros textos para você