3 de maio – Dia Mundial da Liberdade de Imprensa

3 de maio – Dia Mundial da Liberdade de Imprensa 1024 576 Instituto Palavra Aberta

Manifesto

Uma imprensa livre e independente é essencial em todos os momentos, mas é particularmente crucial durante uma crise de saúde pública como a que estamos enfrentando atualmente. No momento em que muitos buscam informações confiáveis, é vital o papel de comunicadores e jornalistas profissionais, treinados para apurar as informações e fornecer orientações com base em fatos e dados.

Em tempos de pandemia, assim como em tempos de guerra, jornalistas e comunicadores estão na linha de frente: eles se expõem e correm riscos na busca por informações precisas que ajudem na tomada de decisões e no atendimento à população mais vulnerável.

A imprensa livre e o jornalismo independente são fatores fundamentais para a sociedade saber o que está acontecendo e, com isso, ter acesso à informação de qualidade, direito fundamental de todos os cidadãos.

No Dia Mundial da Liberdade de Imprensa, 3 de maio, a Representação da UNESCO no Brasil, a Associação Brasileira de Emissoras de Rádio e TV (ABERT), a Associação Brasileira de Jornalismo Investigativo (ABRAJI), a Associação Nacional de Jornais (ANJ), a Associação Nacional dos Editores de Revistas (ANER), a Associação de Jornalistas de Educação (JEDUCA) e o Instituto Palavra Aberta, com o apoio de diversas outras entidades,
convidam os governos, a mídia, a sociedade civil e todos aqueles que acreditam no valor da imprensa livre, a se juntarem em um movimento global online para chamar atenção do mundo para questões essenciais à imprensa livre e independente.

Parabenizamos os jornalistas e os profissionais de mídia que ajudam a conter a desinformação ao manter a sociedade informada, e reafirmamos o nosso compromisso com a liberdade de imprensa, com a segurança dos jornalistas e de todos os profissionais de mídia.

Juntos, vamos ajudar a garantir que nossas respostas sejam eficazes, a fim de fortalecer o jornalismo imparcial e sem medo.

#diamundialdaliberdadedeimprensa
#imprensalivre
#jornalismosemmedo
#jornalismoindependente
#jornalismofortedemocraciaviva