PALAVRA ABERTA: 5 ANOS

PALAVRA ABERTA: 5 ANOS 550 345 Instituto Palavra Aberta

Com o intuito de promover e incentivar as liberdades democráticas, em especial, a liberdade de expressão, de imprensa e a livre iniciativa, o Instituto Palavra Aberta comemora cinco anos exercendo o seu papel por meio de ações que fundamentam a sua existência de forma coerente, imparcial e dinâmica.

Neste período, realizou eventos, publicações, estudos, seminários, debates e parcerias com universidades (nacionais e internacionais) e entidades que apoiam e defendem a liberdade de expressão, direito este garantido pela Constituição e que em pleno século XXI nunca foi tão valorizado e, ao mesmo tempo, questionado no mundo.

Um dos eventos mais representativos organizados pelo Instituto Palavra Aberta, as Conferências Legislativas sobre Liberdade de Expressão realizadas em parceria com a Câmara dos Deputados, chegaa sua décima edição e vem reunindo ao longo desses anos, parlamentares, juristas, autoridades, ministros, jornalistas e muitos outros convidados que participaram e prestigiaram os diferentes acontecimentos, sempre com os olhos voltados para o aperfeiçoamento da democracia e a promoção da liberdade de expressão.

Debate-Eleicoes-Democracia_foto-MG_2171
A repercussão desses eventos pode ser vista em três publicações: Conferência Legislativa sobre Liberdade de Expressão – 7 Anos de Debates (compilação das conferências realizadas entre 2006 e 2012), 25 anos da Constituição Brasileira na Ótica da Liberdade de Expressão (registro de três acontecimentos que celebraram a Constituição Brasileira promulgada em 1988: debates da 8ª conferência, Exposição – A Carta da Liberdade, e Conferência Regional – Rio de Janeiro), e Liberdade de Expressão e Democracia (registro de dois grandes debates, a 9ª conferência legislativa e o workshop Os Impactos da Legislação Eleitoral sobre os Meios de Comunicação).

palavra-aberta-livros-publicados
A produção do Palavra Aberta não parou por aí. Em parceria com oInstituto Vladimir Herzog lançou o livro A Constituição de 88, 25 anos – A Construção da Democracia e Liberdade de Expressão, uma narrativa histórica da mais notável conquista da sociedade brasileira, que retratou em suas páginas fatos, fotos e personalidades, e enfatizou os direitos à liberdade de expressão e de imprensa.

Capa-Livro-Pensadores-da-Liberdade
Outro marco editorial é a Coleção Pensadores da Liberdade. Composto três volumes, vem reunindo profissionais de renome e especialistas nas mais diversas áreas para escreverem artigossobre liberdade de expressão em seus diferentes aspectos. O primeiro volume intitulado Em torno de um conceito foi publicado em 2013 e contou com 20 artigos. O segundo, A liberdade como princípio, será lançado no primeiro semestre este ano. O último volume, que completa a série, está previsto para o início de 2016.

Cultura do debate e educação

Estreitar o relacionamento com faculdades e universidades brasileiras e internacionais está na pauta do Instituto desde a sua fundação. Para contemplar esse segmento foi criado no início de 2014 o Centro de Estudos Palavra Aberta, que tem como objetivo incentivar a produção acadêmica, promover o debate e a ampliação de conhecimento dos temas liberdade de expressão e livre iniciativa junto ao meio acadêmico.

debate-pensadores-na-mackenzie_foto-DSC02033
Uma das primeiras ações do Centro de Estudos foi a realização do Ciclo de Palestras Pensadores da Liberdade que contou com a parceria das universidades Mackenzie e Unip e da faculdade Cásper Líbero na realização de debates com alunos de diversos cursos. No âmbito internacional, as norte-americanas George Washington University e Columbia University / Columbia Global Center são parceiras no intercâmbio de ações educacionais e na promoção de eventos conjuntos.

Columbia-University-_-Agnes-Callamard
Outra atividade que vem sendo desenvolvida pelo Centro de Estudos é a criação de um portal voltado para pesquisa, que funcionará como um grande banco de dados sobre liberdade de expressão e reunirá, num só endereço, estudos, teses, trabalhos, artigos, pesquisas e bibliografia sobre o tema.

Mas, uma das principais iniciativas nessa área foi a criação da Cátedra Insper Palavra Aberta de Liberdade de Expressão, projeto acadêmico pioneiro no Brasil voltado à pesquisa e ao ensino do tema da liberdade de expressão, em suas diferentes dimensões. A cátedra é coordenada pelo Professor Fernando L. Schüler que terá a missão de fomentar o debate sobre esses temas por meio da condução de programas de pesquisa, produção de artigos e realização de eventos.
Foto-1-_-Assinatura-Catedra-Insper-e-IPA-_-Foto-Pablo-Sobral

Estudos

Pesquisas e levantamentos são mais uma forma do Palavra Aberta fomentar discussões e ações em defesa da liberdade de expressão. Dois estudos estão disponíveis para download no site: Efeitos Econômicos de Restrições Impostas à Informação Publicitária, realizado pela Tendências Consultoria Integrada que aponta os malefícios das restrições à publicidade; e Pluralidade dos Meios de Comunicação, um levantamento dos veículos de comunicação existentes no Brasil.

Vídeo e mídias sociais

Durante esses cinco anos, o site www.palavraaberta.org.br contabilizou 455 mil visitas e 1,4 milhão de visualizações de página. Foram postados 70 artigos, mais de 230 notícias, e 37 vídeos com entrevistas, depoimentos e cobertura de eventos que podem ser conferidos nas seções Câmera Aberta e Evento de Palavra. Inclusive estão publicados no Youtube.
Computers
No Facebook, o Palavra Aberta obteve 1.100 curtidas, 340 tweets e 341 seguidores no Twitter. Temos 281 mil seguidores e mais de 2 milhões de views no Google+.

Há, ainda, o blog Solte a Palavra, um canal aberto para os jovens que pretende debater e discutir os direitos de expressão.

Futuro

O Instituto Palavra Aberta, entidade sem fins lucrativos que advoga a causa da plena liberdade de expressão, de pensamentos e ideias de qualquer natureza, seguirá cumprindo a missão de promover as liberdades democráticas e, em especial, a liberdade de expressão e a livre iniciativa.

Continuará defendendo também a valorização dos direitos individuais como contraponto às iniciativas que procuram, sob o argumento da proteção da sociedade, tutelá-la como se ela fosse incapaz de tomar as próprias decisões. Assim como, continuará advogando pelo direito dos cidadãos à informação e o direito da iniciativa privada em se comunicar abertamente, com ética e responsabilidade, para que a sociedade brasileira possa exercer suas escolhas de forma esclarecida e informada.

O Palavra Aberta acredita ainda na força da comunicação e no poder da palavra na construção de uma sociedade mais ética, formada por cidadãos responsáveis e aptos a fazer escolhas conscientes em prol de uma sociedade melhor.

Instituto Palavra Aberta: quanto mais você sabe, melhor você decide.